notíciasCidade

Com supermercados em baixa, comércio ‘patina’

20/04/2017 9:54 AM / Raphael Pozzi / Atualizado em 25/04/2017 12:12 pm

A queda de 7,9% no faturamento do setor de supermercados em Guarulhos continua atrapalhando o varejo da região. Foram R$ 40,9 milhões a menos nos cofres dos comerciantes durante o mês de janeiro, o que representa perdas de, em média, R$ 1,3 milhão por dia na cidade.

Os dados são da FecomercioSP e são divulgados com exclusividade por esta Folha Metropolitana. Guarulhos vai na contramão do Estado, que teve crescimento de 4,2% nas vendas. Em números brutos, são quase R$ 2 bilhões a mais em SP.

De acordo com o assessor econômico da FecomercioSP, Guilherme Dietze, os números de Guarulhos são curiosos e começam a ser preocupantes. “O setor de supermercados teve bastante alta no ano passado. É possível que agora ele comece a assentar e diminuir”, explicou o especialista.

Desde novembro do ano passado os supermercados da cidade não registram alta no faturamento. As lojas de eletrônicos e eletrodomésticos também estão bem ruins: não há números positivos desde setembro de 2016.

Segundo o especialista, o receio é de que a região guarulhense não consiga se recuperar tão rapidamente como outras do Estado. “Somente três tiveram uma retração no faturamento geral: Osasco e Bauru também foram mal”, disse. É possível que os setores continuem com poucos aumentos e poucas diminuições. “Não acredito que teremos uma recuperação ampla. Nem uma queda muito grande por enquanto”, concluiu.

Varejo – Setor de eletrônicos e eletrodomésticos também não tem números positivos desde setembro de 2016 (Foto: Beto Martins)

SiteLock