notíciasCidade

Cristãos buscam milagres no Dia de Santo Expedito

20/04/2017 9:49 AM / Mari Cavalcante * Colaborou Lucas Dantas / Atualizado em 20/04/2017 9:49 am

As irmãs Luciana de Jesus Santos, 44 anos, e Luziene Santos, 51, participaram quarta-feira, 19, da missa em homenagem ao Dia de Santo Expedito, na capela que leva o nome do “Padroeiro das Causas Impossíveis”, no Cidade Soberana.

Desde os 13 anos a moradora Luciana é devota de Santo Expedito. Quando era adolescente fazia promessa para passar nas provas da escola. Depois da  primeira gravidez, anos 16 anos, Luciana contou que a fé aumentou. “O meu filho foi curado de uma doença na perna graças ao Santo Expedito”, contou.

Quarta, durante a missa, Luciana agradeceu ao último pedido atendido pelo  padroeiro. “Um amigo não precisou operar a coluna. Hoje ele está trabalhando. Só tenho a agradecer mais uma graça alcançada”, afirmou.

A devota Luziene Santos está desempregada há seis anos e, quarta, fez uma oração especial. “Pedi um emprego ao Santo Expedito”, disse  Luziene, que trabalhou como tecelã e mora com três pessoas, também sem emprego.

Ao longo do dia os  devotos puderam participar de missas em celebração ao dia do Santo nas capelas do Jardim Aracília e do Taboão.


SiteLock