notíciasCidade

DEM confirma expulsão do ex-vereador Paulo Sérgio

01/09/2017 9:54 AM / Eurico Cruz / Atualizado em 04/09/2017 10:13 am

O Democratas (DEM) confirmou à Folha Metropolitana que o ex-vereador Paulo Sérgio foi expulso do partido por infidelidade partidária. A decisão foi tomada porque o político assumiu a função de secretário-adjunto de Gestão mesmo após resolução do partido determinar que seus membros não integrem o Governo de forma direta ou indireta.

Sérgio disse que ainda não foi notificado da decisão, mas que na Justiça Eleitoral ele ainda consta como filiado da legenda.

Questionado, o partido informou que “a Justiça Eleitoral irá atualizar a certidão. O DEM está protocolando ofício a 176ª Zona Eleitoral para providências”.

Paulo Sérgio trocou o PR pelo DEM antes das eleições de 2016 e apoiou o deputado federal Eli Corrêa Filho, atual presidente da legenda em Guarulhos, na disputa pela Prefeitura.

Com 3.460 votos, Paulo Sérgio não conseguiu se eleger e foi convidado pelo prefeito Guti (PSB) a compor o alto escalão do Governo. O ex-vereador aceitou o convite e foi expulso pelo DEM.

Regra – Ao se tornar secretário, político descumpriu norma do Democratas (Foto: Arquivo / FM)

SiteLock