notíciasCidade

Ex-servidores vão à Justiça por rescisões

12/07/2017 12:26 PM / Eurico Cruz / Atualizado em 12/07/2017 12:26 pm

Os ex-comissionados demitidos pela gestão do prefeito Guti (PSB) – que cumpriu uma determinação do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), por conta da irregularidade dos cargos –, vão judicializar a briga para cobrar o recebimento de verbas rescisórias. A decisão foi tomada na segunda-feira, 10, quando o grupo também extinguiu a comissão que os representava.

A medida atende os anseios do governo, uma vez que o prefeito afirma não ter segurança jurídica para pagar os demitidos. O Ministério Público Estadual (MPE) já emitiu parecer contrário aos pagamentos. Os trabalhadores afirmaram que Guti também entrou com pedido na Justiça para impedir as manifestações extrajudiciais.

SiteLock