notíciasCidade

Saae decide congelar tarifa de água neste ano

13/11/2017 9:27 AM / Eurico Cruz / Foto: Lucas Dantas / Atualizado em 14/11/2017 9:08 am

Os guarulhenses não precisam se preocupar com o aumento de 7,88% na conta de água, como ocorreu este mês em São Paulo. Segundo o superintendente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), Francisco Carone, o prefeito Guti (PSB) ordenou uma provisão financeira para que este ano não haja elevação na cobrança pelo consumo de água. A afirmação foi feita na sexta, 10, durante audiência pública na Câmara Municipal.

Em outubro, a Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado (Arsesp) autorizou a Sabesp a subir em 7,88% a venda de água, o que atinge Guarulhos, pois a cidade compra 87% da água que utilizada pela Sabesp.

Inicialmente, o Saae chegou a dizer que iria repassar o aumento ao contribuinte, mas durante a audiência o superintendente afirmou que, além de não ter reajuste este ano, negocia com a Sabesb para tentar postergar o reajuste de 2018.

Embora tenha um alívio na conta de água, o guarulhense já terá de pagar a próxima fatura do consumo de energia elétrica com aumento de 22,67% para residências e, nos casos de alta tensão, como as indústrias, será de 27,31%.

Acordo firmado entre Saae e Sabesp passará pela Câmara

O superintendente do Saae, Francisco Carone, afirmou que irá encaminhar à Câmara Municipal uma minuta para aprovação do acordo firmado entre Saae e Sabesp para pagamento de uma  dívida de R$ 2,1 bilhões da autarquia municipal com a companhia estadual pela compra de água no atacado. A informação foi dada na sexta-feira, 10, durante uma audiência pública na Câmara Municipal.

“Estamos terminando de fazer a minuta dele. Estamos em tratativas recorrentes e constantes  com a Sabesp visando à formalização dos termos deste acordo. Vamos enviar à Câmara uma minuta para consulta”, disse Carone.

SiteLock