notíciasDestaque Politica

Vereador que se ausentar perde espaço na “mesa”

14/06/2017 9:52 AM / Eurico Cruz / Atualizado em 16/06/2017 10:38 am

A Câmara Municipal deliberou terça-feira, 13, projeto de resolução que visa a alteração do Regimento Interno da Casa para deixar vaga qualquer função da mesa diretora, caso seu ocupante decida assumir outro cargo junto ao Executivo Municipal. A decisão ocorreu depois de que o vereador Lamé (PMDB) assumiu a Secretaria de Assuntos Difusos e decidiu não abrir mão do cargo de 2º vice-presidente.

A nova resolução não será retroativa, então Lamé se manterá com um pé no Executivo e outro no Legislativo, mesmo após a aprovação da proposta. “Hoje, da forma que está, o secretário se licencia do mandato, mas mantém o cargo. Hoje ele está aqui e está lá. Isso é imoral. Há um consenso da Casa para aprovar esta lei”, disse Laércio Sandes (DEM).

A alteração não prevê como se daria a escolha do novo ocupante do cargo. “Aqui é uma casa democrática, se há um cargo vago, eu acho que o mais correto é ter uma eleição. Este cargo tem que ser exercido por alguém que está no mandato”, disse Eduardo Carneiro (PSB).

Político – Lamé assume Secretaria, mas mantém função no Legislativo (Foto: Silvio Cesar / Arquivo FM)

SiteLock